FONSECA

  •  
  • Subscrever Newsletterarrow


Vinhos do Porto

Vinho do Porto Fonseca



Fonseca BIN 27

Encorpado e Frutado

Cor rubi jovem e profunda. Nariz intenso, rico e frutado, cheio de aromas puros de amora, cassis, cereja e ameixa entrelaçadas com notas de especiarias.

 
  • Fonseca BIN 27
  • LBV Unfiltered 2011
  • Terra Prima
  • Commemorative Crusted
  • Crusted
  • Ruby
 
 

Download

Ficha de vinho

Notas de Prova

Cor rubi jovem e profunda. Nariz intenso, rico e frutado, cheio de aromas puros de amora, cassis, cereja e ameixa entrelaçados com notas de especiarias.

Na boca é encorpado e redondo, com uma textura macia e aveludada, equilibrada por taninos firmes que enchem a boca. Os sabores de fruta negra sumarenta continuam no delicioso e rico final.

Sugestões de Serviço

Os ricos sabores de fruta negra do Bin 27 combinam de maneira perfeita com sobremesas de chocolate e frutos silvestres. Um fondant de chocolate com morangos faz uma combinação maravilhosamente hedonística, onde o rico e cremoso chocolate e os deliciosos morangos maduros se fundem sedutoramente com a fruta de tipo groselha negra e cereja do vinho.

O Bin 27 também é excelente depois da refeição, com chocolate amargo de alto conteúdo de cacau ou um prato de brownies ou trufas de chocolate. Como todos os vinhos do Porto jovens, o Bin 27 harmoniza muito bem com queijos de pasta mole maduros, podendo também ser servido sozinho no final da refeição ou em qualquer outra ocasião descontraída, num cálice de dimensões generosas.

Descrição

O Bin 27 é tão conhecido como a própria Fonseca.

Embora para os conhecedores e colecionadores a casa Fonseca seja sinónimo de vinho do Porto Vintage, é na verdade o Bin 27 o vinho que mais rapidamente vem à mente de milhares de consumidores e amantes de Porto quando pensam na Fonseca. O Bin 27 é um vinho rico e frutado, elaborado a partir de um lote de vinhos reserva. É vendido em todo o mundo, contando com particular popularidade no mercado norte-americano.

O Fonseca Bin 27 foi lançado na Grã-Bretanha há 40 anos atrás. Nessa época, o mercado de vinho do Porto estava a sofrer profundas modificações. Os consumidores estavam a ficar cada vez mais experientes e exigentes na escolha dos seus vinhos. Já não se contentavam com os simples vinhos do Porto jovens que até então representavam grande parte do consumo; procuravam vinhos mais sofisticados e diferenciados, tanto para desfrutar em casa como em restaurantes. E o Porto Vintage nem sempre era a solução. Embora os consumidores gostassem da profundidade de sabor e do caráter rico dos vinhos do Porto Vintage, a necessidade de os decantar e de terminar a garrafa dentro de umas poucas horas determinava que nem sempre fossem a melhor escolha para serem bebidos a copo em ocasiões mais informais. Além disso, os vinhos do Porto Vintage eram relativamente caros. A casa irmã da Fonseca, a Taylor Fladgate & Yeatman, respondeu a esta procura desenvolvendo um novo estilo de vinho do Porto: o Late Bottled Vintage, o qual teve grande sucesso. A Fonseca, porém, decidiu fazer algo diferente.

A casa apercebeu-se que aquilo que define a Fonseca, tanto no que refere ao vinho como ao consumidor, e que a diferencia das outras casas de vinho do Porto, era a poderosa e complexa qualidade de fruta dos seus vinhos. Nenhum outro produtor era capaz de igualar o caráter frutado e opulento que era a inconfundível marca diferenciadora da casa Fonseca e que encontrava a sua máxima expressão nos seus vinhos do Porto Vintage. A resposta foi criar um lote que pudesse transmitir essa magnífica qualidade de fruta, mas num estilo de vinho do Porto mais arredondado e mais acessível, destinado a um consumo mais imediato.

Depois de trocar impressões com Cock, Russell & Spedding, agentes da empresa em Londres naquela altura, Alistair Robertson começou a trabalhar no projeto, o qual se concretizou em 1972.

Utilizando vinhos do Cima Corgo e do Douro Superior, zonas do centro e do leste do vale do Douro, criaram um vinho encorpado, macio e densamente frutado, dentro de um estilo outrora conhecido como "vintage character", mas que hoje, com frequência, se conhece como sendo um reserva ou "finest reserve" A ideia de combinar diferentes colheitas permitiu-lhes criar um vinho que seria totalmente consistente em estilo de um engarrafamento para o outro.

Meio século antes, a empresa tinha o costume de dar nomes aos seus vinhos do Porto Crusted, também elaborados num estilo encorpado e frutado, usando os números dos compartimentos onde os vinhos eram guardados. Estes compartimentos, tipo alvéolos, denominam-se em inglês "Bin"; daí os vinhos chamarem-se Bin 740 ou Bin 82 VG. Revivendo esta tradição, Alistair decidiu batizar o novo vinho de Bin 27. Foi criada uma apresentação diferenciada, pintando o nome na garrafa de forma destacada com tinta branca e com a insígnia da Fonseca a vermelho. A garrafa com as letras pintadas foi posteriormente imitada por outras marcas de vinho do Porto, sendo substituída em meados dos anos 80 por uma elegante etiqueta de papel.

O Bin 27 teve um sucesso imediato. Cinco anos após o seu lançamento, já era vendido em quase 30 países do mundo, da Austrália à Islândia. O Bin 27 foi apoiado por numerosas atividades promocionais ao longo dos anos, entre elas, o patrocínio em 1977 do iate de John Ridgway, o "Debenhams", na regata de volta ao mundo Whitbread  e a produção em 1984 da maior garrafa de vinho do mundo. Esta garrafa de Bin 27 continha 98 litros, ou seja, o equivalente a 132 garrafas normais. Tinha uma circunferência de 1,5 metros na base e quase 1 metro de altura, tendo sido vedada com uma rolha de 13 centímetros.

Hoje o Bin 27 continua a ser elaborado a partir de vinhos do Porto reserva selecionados, os quais são escolhidos pela sua boca suave, redonda e encorpada e pelo seu intenso e fino caráter de fruta. Alguns destes vinhos têm origem nas quintas próprias da Fonseca, sendo outros feitos a partir de uvas fornecidas por viticultores independentes com os quais a empresa mantém uma relação muito próxima. Os vinhos são envelhecidos em grandes tonéis de carvalho avinhados para lhes outorgar suavidade e complexidade, sem contudo lhes retirar o seu intenso e vibrante caráter de fruta.

O Bin 27 partilha a tradição e o estilo dos grandes vinhos do Porto Vintage da Fonseca, assim como grande parte da sua profundidade e caráter. No entanto, o Bin 27 é engarrafado quando está pronto a beber, podendo ser servido a copo sem necessidade de decantar. Para garantir consistência de caráter e o seu intrínseco estilo Fonseca, é elaborado a partir de diferentes lotes de vinhos reserva, oferecendo ao cliente um valor seguro e acessível.

Vinho do Porto Reserve BIN27